[GRÁTIS] Mini Curso de HTML, CSS, JavaScript, Git e Github + E-book

[GRÁTIS] Mini Curso de HTML, CSS, JavaScript, Git e Github + E-book

Aprenda Técnicas e Conceitos Básicos de Programação. Material 100% Gratuito!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Code Review: 4 Boas Práticas Para um Ambiente Realmente Seguro

Code Review: 4 Boas Práticas Para um Ambiente Realmente Seguro

Você sabe a importância do code review?!

O desenvolvimento de aplicativos e softwares cresce a cada dia, por isso cada vez mais profissionais estão interessados em entrar nesse nicho de mercado.

Contudo, é uma área que exige cuidado principalmente no momento da criação de códigos para que sejam funcionais e além de tudo, seguro.

A segurança é um ponto cada vez mais relevante e que deve ter cuidado redobrado para evitar problemas futuros.

Para te ajudar nessa missão existe o que chamamos de code review, o responsável por identificar e prevenir possíveis vulnerabilidades, fazendo com que o ambiente fique realmente seguro.

No artigo hoje, irei mostrar algumas práticas de code review. Confira o que preparamos.

Code Review – Como é Feito?

Antes de começarmos a falar sobre a prática, vamos explicar resumidamente como o code review é feito.

Tudo é feito baseado em uma análise extremamente minuciosa do código de uma aplicação ou de um software.

Dentro dessa revisão não temos apenas erros, mas também existem falhas que podem ser exploradas por potenciais invasores.

A analogia para procurar possíveis falhas de segurança é simples, vamos pensar que o code review vai procurando por portas abertas, quando encontra uma, procura formas de as fechar.

Isso que torna o ambiente mais seguro.

Além do que já citamos, o code review também pode ser utilizado para a criação de otimizações de uso da solução computacional, como por exemplo, a mudança de um parâmetro para que o uso seja mais fácil.

Code Review – Esse Processo é Mesmo Fundamental?

Sim, consideramos o processo de code review fundamental, visto que não serve somente para o que citamos (corrigir erros e identificar vulnerabilidades), serve também como algo preventivo.

Somente com esse processo que o desenvolvimento de qualquer software ou aplicação, se torna realmente seguro.

Especialistas da área afirmam que sem o code review, mesmo que o código esteja correto, ele pode acabar se tornando vulnerável e imagina lançar algo com falhas nessa questão?

É um erro que pode realmente custar caro.

? Em Alta: 10 Erros Que Todo Programador Iniciante Comete

Code Review 2 1024x427 - Code Review: 4 Boas Práticas Para um Ambiente Realmente Seguro

4 Boas Práticas de Code Review

É comum vermos profissionais lendo o código mais de uma vez, achando que isso pode assegurar a segurança necessária.

O code review se torna ainda mais eficiente quando algumas práticas são seguidas, separamos 4 para você entender melhor.

1 – Incorporar a Automatização do Trabalho Manual

Sabemos que em diversas vezes a análise de um código acaba sendo uma tarefa de caráter subjetivo, visto que passa por todo um processo decisório.

Porém, isso não significa que a automação seja algo a ser dispensável nesses casos.

O recomendado é mesclar a automatização e o trabalho manual dentro do processo de code review.

Além de mais rápido, temos algo mais relevante, já que diminuem as falhas humanas.

Essa função pode ser feita através da definição de busca automática de algumas falhas já conhecidas ou de padrões que visam identificar alguma vulnerabilidade.

2 – Fazer Uso de Checklists

O checklist é outra boa prática de code review, tudo porque, estamos falando de uma ação de busca.

Mas como buscar algo se não sabemos exatamente o que? É dentro disso que entram as listas, elas serão usadas como uma espécie de guia para a revisão de código.

Por exemplo, pode – se fazer uma lista com a verificação da autenticação, da encriptação de dados, de vulnerabilidades já identificadas anteriormente e mais.

3 – Realizar o Code Review a Cada Mudança de Código

Sabemos que é comum acontecer mudanças nos códigos, por vezes, são mudanças pontuais e até pequenas, mas ainda sim, a revisão não pode ser deixada para trás.

Já que, pequenas mudanças podem sim causar grandes impactos e trazer vulnerabilidades que não estávamos à espera.

Confira o artigo: Produtividade Para Programadores: 6 Dicas Incríveis

Por isso, nunca deixe de realizar a revisão do código, independente do tamanho da mudança.

4 – Conhecer Como Funcionam As Novas Ameaças

Temos alguns conhecimentos prévios quando o assunto são as ameaças e tal conhecimento faz com que o código esteja em segurança.

Mas, novas ameaças estão sempre surgindo, coisas que antes nem era consideradas e isso faz com que um ambiente que era seguro, esteja inseguro e bem mais vulnerável.

É exatamente por isso que dentro de uma boa prática de code review é necessário se manter atualizado, saber como as novas ameaças agem e o que pode fazer para as evitar.

Por fim, vimos que as práticas de code review são de extrema importância para garantir que o código esteja livre de vulnerabilidade, fazendo com que o ambiente não tenha ameaças.

Então, não se esqueça de incorporar a automação, os checklists, a revisão a cada mudança e busque sempre se manter atualizado, a fim de evitar novas ameaças.

Gostou do nosso artigo de hoje? Então continue em nosso blog para conferir muito mais.

Ah, aproveita e já faça parte do meu canal no telegram para receber receber conteúdos EXCLUSIVOS que te ajudarão a ser tornar um Programador Profissional.

Inclusive, não esqueça de fazer o meu Mini Curso gratuito de HTML,CSS, JS e Git Hub! Lá eu falo o passo a passo de como aprender programação do ZERO.

mini curso gratuito - Code Review: 4 Boas Práticas Para um Ambiente Realmente Seguro

Eu vou ficando por aqui…

Espero que esse conteúdo tenha te ajudado!

Até o próximo post…

Um forte abraço

Robson dos Santos

Sobre o Autor

Robson dos Santos
Robson dos Santos

Ajudando milhares de pessoas a mudarem de vida através da programação. Se você deseja mudar também, vamos juntos!