[GRÁTIS] Mini Curso de HTML, CSS, JavaScript, Git e Github + E-book

[GRÁTIS] Mini Curso de HTML, CSS, JavaScript, Git e Github + E-book

Aprenda Técnicas e Conceitos Básicos de Programação. Material 100% Gratuito!

Não enviamos spam. Seu e-mail está 100% seguro!

Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Você está procurando um bom notebook para programar? No mercado há tantas opções diferentes que fica difícil escolher o melhor. Ainda mais quando não sabemos por onde começar a pesquisar.

Antes de escolher o notebook ideal para você, o melhor a fazer é considerar quais aspectos da máquina atendem melhor suas necessidades de programação. Por exemplo, o desempenho do processador, a memória RAM, a resolução do monitor, entre outros fatores.

Afinal, a máquina deve executar suas tarefas de programação da melhor forma possível. Neste artigo, vamos mostrar algumas opções de notebook, assim fica mais fácil para você escolher o equipamento que mais se encaixa em seu perfil de programador.

Notebook Para Programar Deve Ser Prático e de Fácil Mobilidade

Um fator que você deve levar em conta é o transporte do seu notebook. Talvez você tenha que levá-lo para a empresa em que trabalha ou outro lugar onde passará o fim de semana, por exemplo. Portanto, a sua máquina precisa ser prática e de fácil mobilidade.

Então, verifique o seguinte:

Peso do notebook: os notebooks mais comuns pesam de 1 a 1,5 kg. Talvez você prefira um equipamento com uma tela maior. Nesse caso, as máquinas de 13 e 14 polegadas, com 1.8 kg no máximo, podem garantir melhor mobilidade.

Tamanho da tela: para muitos programadores, o tamanho da tela do notebook importa bastante. Por isso preferem telas grandes entre 15 e 16 polegadas, mesmo que o peso chegue a 2.5 kg. Mas, nem sempre os equipamentos com grandes telas são a melhor alternativa. Isso porque pode reduzir o tempo de bateria da máquina.

Você pode encontrar até notebooks com tela de 19 polegadas, mas não são muito procurados. Lembrando que modelos com tela grande atendem melhor as necessidades de quem não precisa carregar o notebook com frequência. 

A Resolução de Tela de Notebook Para Programar Também é Importante

Depois de definido o tamanho da tela, você precisa verificar a resolução, já que os programadores passam horas de frente para elas. Ainda mais para os desenvolvedores que usam softwares que exigem boa visualização de arquivos de vídeo e foto. 

Portanto, a dica é escolher um notebook para programar com resolução Full HD, e não os populares com resolução 1366×768.

O Teclado Precisa Ser Confortável

Ao decidir comprar um notebook para programar, verifique o teclado. Afinal, ambos estão vinculados. A dica é considerar alguns pontos, já que nem sempre a indicação de um amigo pode ser adequada para você.

Assim, uma máquina mais ampla tende a ter teclas grandes com um nível maior de afastamento. Sem dúvida, isso torna mais eficiente o uso do equipamento.

Uma boa ideia é incluir um teclado numérico para executar tarefas específicas. Veja também o seu layout (ABNT2 ajuda na digitação). Outro fator importante é a emissão de ruído.

Quando você pressiona as teclas é gerado um som que pode lhe incomodar. Um notebook para programar com teclas para um toque mais suave tende a agradar pessoas que não gostam de ouvir barulhos ao digitar.

A Bateria de Um Notebook Para Programar Deve Ser Durável

De acordo com seu perfil de programador, você deve escolher um notebook com boa autonomia de bateria. Apesar dessa tecnologia não ter avançado, e os notebooks mais modernos não passarem de 3 horas de duração de bateria, ainda há boas opções no mercado.

Conforme seus hábitos de uso, você deve escolher a bateria do seu um notebook. Então, verifique a quantidade existente de células e sua vida útil, bem como outros detalhes, a partir das informações fornecidas pelo fabricante. Talvez comprar uma bateria extra seja uma boa ideia.

Verifique a Descrição do Processador

Você vai encontrar no mercado várias opções de processador para notebook. No entanto, é importante ter atenção a alguns elementos como número de núcleos, frequência e memória cachê. A reputação da empresa fabricante e o modelo do processador também são fatores essenciais.

Por exemplo: se você simpatiza com a Intel, procure saber mais sobre seus processadores da linha Core (i3, i5, i7, i9 e Xeon). Alguns especialistas em computação indicam os processadores da Intel para quem procura um notebook para programar, de preferência o i7 8565U, da oitava geração em diante. Isso porque tem 4.6 GHz e quatro núcleos.

Já a fabricante AMD disponibiliza os Ryzen 3, 5, 7 e 9. A performance do Ryzen 7 – 2700U é semelhante ao i7 da Intel. Portanto, essas são duas ótimas escolhas para um programador.

Memória RAM e Capacidade de Armazenamento Interno

Se você tem um computador com 4 GB de memória RAM sabe que às vezes isso não é suficiente. O ideal é ter no mínimo 8 GB para você conseguir dar conta dos seus trabalhos de programação.

Caso você se dedique ao desenvolvimento de jogos ou outro tipo de tarefa que exija bastante memória, é indicada a utilização de pelo menos 16 GB. Lembrando que a memória deve ser DDR4, pois garante melhor desempenho ao notebook. Além disso, o consumo de energia é menor.

Notebook para programar pode usar um HD ou SSD para o armazenamento interno. Entretanto, é preciso considerar que o HD garante mais espaço do que o SSD. Isso porque sua capacidade de armazenamento chega a 2TB. Sem dúvida, uma boa quantidade para programadores que lidam com vídeos, fotos e jogos.

Por outro lado, se a ideia é usar o armazenamento interno do notebook para armazenar softwares que exigem alta velocidade para acessar dados, o SSD é uma opção melhor porque sua taxa de leitura e escrita de arquivos é mais rápida.

Em termos de preço, tanto o HD quanto o SSD tem um valor elevado de acordo com sua capacidade de armazenamento. Assim sendo, você precisa analisar o que realmente precisa em um notebook para definir quanto está disposto a pagar.

A Escolha do Sistema Operacional

Tratando-se de sistema operacional, as opções são: Windows, Linux e MacOS. Se a ideia é ter um sistema que deixe você livre para as interações, o Linux é mais indicado porque é de código aberto, sendo que suas configurações reconhecem linguagens nativas.

Além disso, facilita o uso de algumas ferramentas através de repositórios. As vantagens do Linux são que ele é gratuito e há muitas distribuições diferentes, ou versões  que você pode escolher.

Clique aqui e conheça as melhores distribuições Linux para programar.

Os usuários do Linux representam menos de 2% dos sistemas operacionais globais. No entanto, a maioria dos servidores executa Linux porque é relativamente fácil de personalizar.

Por outro lado, o Windows ainda é o sistema operacional mais popular do mundo. Ele tem sido o principal software que alimenta os sistemas de computação em todo o planeta. É fácil de usar e inicia e retoma as operações rapidamente. 

As versões recentes têm mais segurança integrada, sendo que os recursos são de última geração para manter os dados dos usuários protegidos. Além disso, sua interface permite um uso agradável.

Falando do Mac, seus usuários representam menos de 10% dos sistemas operacionais globais, muito menos do que a porcentagem de usuários do Windows (mais de 80%). Uma razão para isso é que os notebooks da Apple são mais caros. No entanto, muitos programadores preferem a aparência do MacOS em vez do Windows.

Placa de Vídeo: Dedicada ou Integrada?

Para completar sua escolha por um notebook para programar é preciso definir a placa de vídeo de sua preferência, se integrada (on board) ou dedicada (off board). Você deve escolher conforme as tarefas que pretende realizar. 

As placas de vídeo dedicadas são normalmente mais poderosas do que as integradas, mas isso não significa necessariamente que uma GPU dedicada será uma opção melhor para você.

Uma placa dedicada hospeda a GPU que pode ser usada para processar dados. Além disso, também vêm com sua própria memória na forma de VRAM (vídeo RAM ou memória de acesso aleatório de vídeo), que dá à placa dedicada acesso rápido aos dados de imagem relevantes. 

Ao comparar com uma placa de vídeo integrada, a dedicada não têm um conjunto de memória para extrair dados de imagem, em vez disso, usa a memória do sistema.

Os dois principais fatores para determinar se você deve ou não obter uma placa dedicada são:

  • Qual é o seu orçamento total para o sistema que você deseja comprar.
  • Os tipos de tarefas e programas que você deseja executar em seu sistema.

Confira 5 Melhores Opções de Notebook Para Programar

Agora que você já sabe quais aspectos do notebook deve considerar para atender suas demandas de programação, confira algumas sugestões:e

Melhor Custo-Benefício

Modelo: Samsung X30 Core i5 10210U  | Tela 15 Full HD |RAM 8 GB |

Samsung X20 - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Preço: em torno de R$ 3.900,00 no site da Americanas

Essa opção de notebook para programar vem com um processador Intel Core i5 8250U da oitava geração, com quatro núcleos e velocidades entre 1.6 e 4.2 GHz. Em relação ao Core i7 primeira geração, esse processador é até 30% mais rápido, o que facilita muitas operações.

Outro ponto de destaque é a tela 15.6 Full HD, HD com capacidade para 1 TB, 8GB de RAM e placa de vídeo integrada.

Mas, se você for um programador iniciante, esse notebook é ótimo para começar seus estudos. Ainda mais pelo preço baixo.

Notebook Para Programar de Nível Intermediário

Modelo: Lenovo Ultrafino Ideapad S145 Core i5 | Full HD | RAM 8GB | MX110 | 256GB SSD GeForce

lenovo ideapad S145 - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Preço: em torno de R$ 4.100,00 no site da Amazon

Esse modelo é um dos mais avançados da marca Lenovo. O processador é Intel Core i5, sendo ideal para softwares pesados. Diferente do Samsung X20, ele tem um SSD de 256GB, no qual melhora muito a performance do notebook.

Esse modelo de notebook é ideal para profissionais de programação porque a tela é Full HD com 15.6 pol. Um notebook leve e ultrafino que pesa apenas 1.85 kg. Chama atenção ainda a praticidade do teclado. O preço não é acessível, o que leva muitos programadores a optar por modelos mais baratos.

Sem dúvida, uma ótima máquina para programadores que usam ambientes de desenvolvimento integrado (IDE) para desenvolver softwares. Até mesmo para desenvolvedores em geral que utilizam diferentes linguagens de programação.

Uma boa alternativa para quem trabalha na área de desenvolvimento em geral, como em desenvolvimento web (utilizando HTMLCSS e JavaScript ou frameworks como React Angular) e mobile, com diferentes linguagens.

Modelo: Acer 15.6 A315 | AMD RYZEN 5-3500U| 1TB HDD

Notebook acer - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Preço: em torno de R$ 4.300,00 no site da Amazon

Esse modelo de notebook possui um processador AMD Ryzen 5 , Quad Core 2.1 GHz. A grande vantagem desse notebook para programar é que disponibiliza 1 TB de HDD e 12 GB de memória RAM DDR 4.

Em razão do seu alto desempenho, o preço é elevado, o que pode ser inviável para programadores em início de carreira. Mas, quem puder investir esse valor, certamente não se arrependerá.

Nível Avançado

Modelo: Acer Aspire Nitro 5 AN515-54-79YX | Core i7 | RAM 16 GB | SSD 512 GB | GTX 1650

Acer Aspire Nitro 5 - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Preço: em torno de R$ 6.800,00 no site da Amazon

Um dos mais potentes entre os Acer Aspire Nitro 5 lançados em 2020, o modelo de código AN515-54-79YX vem com processador Core i7-9750H, 16 GB de RAM e SSD de 512 GB. A placa de vídeo GeForce GTX 1650 com 4 GB vai se dar bem com vários games mais atuais. Um dos melhores custo-benefício da categoria.

O único detalhe que pode desagradar alguns é que vem com Linux Endless OS e não com Windows, mas é possível fazer a troca de sistema operacional sem afetar a garantia.

Além de games vai atender também às necessidades de editores de vídeo, arquitetos, engenheiros e desenvolvedores de aplicativos que precisam de máquinas potentes e com boa placa de vídeo.

Modelo: Samsung Odyssey NP850XBD-XG2BR | Core i7-9750H | GTX 1650 | 16 GB RAM + SSD

samsung odyssey - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Preço: em torno de R$ 10.300,00 no site da Amazon

Este modelo específico vem equipado com um Intel Core i7-9750H (2,6 GHz até 4,5 GHz) com 12 MB de cache. A memória RAM é de 16 GB DDR4 2666 MHz e funciona em dual channel (2 x 8 GB), o que garante um desempenho superior em diversas atividades.

Além do tradicional HD de 1 TB, este modelo conta também com um SSD de 256 GB. Existe ainda 1 slot adicional M.2 PCIe NVMe, livre para upgrades.

Na parte gráfica, este modelo vem com uma GPU dedicada NVIDIA GeForce GTX 1650 de 4 GB GDDR5. Sua tela é de 15,6″ polegadas com resolução Full HD (1920×1080) tipo PLS antirreflexo. O teclado é no padrão ABNT 2 (possui tecla “Ç”) e é retroiluminado em vermelho

Este modelo é ideal para jogos pesados, edição de vídeos, desenvolvimentos de aplicativos e muito mais.

banner cursos - Notebook para programar: Conheça as Melhores Opções do Mercado

Conclusão

Neste artigo, você viu dicas importantes para escolher um  notebook ideal para programar e ainda pode conferir alguns modelos no qual você pode comprar hoje mesmo através dos links acima. Lembre-se que para cada área de atuação, existe um notebook com configurações específicas, por isso fique atento a todos os detalhes, pois é desse notebook que sairão todos os programas e códigos incríveis que você fará nos próximos anos.

Quais o fatores que você considera mais importante na hora de comprar um notebook para programar? Compartilhe com a gente nos comentários!

Um forte abraço!

Robson dos Santos

Confira Também!

Computador Para Programar, Como Escolher?
Melhores Linguagens de Programação Para Aprender em 2021
Linguagens de Programação Para Aplicativos: Conheça as 7 Melhores
6 Melhores Linguagens de Programação Para Desenvolver Jogos
11 Melhores Distribuições Linux Para Programar
Livros de Programação Mais Recomendados

Sobre o Autor

0 Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *